27 de novembro de 2021

Johnys Basso pede reunião no plenarinho para pautarem debates na Câmara

Por JOÃO CARLOS VELAZQUEZ

O presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Bela Vista – MS, vereador Dr. Johnys Hémory Diniz Basso, na sessão ordinária deste dia 08 de novembro, convidou todos os vereadores, a participarem de uma reunião na quarta feira (10), no plenarinho da Câmara de vereadores, onde estarão em debates os pedidos que deverão ser encaminhadas aos  deputados e senadores, bem como aos ministérios as reivindicações de interesse do município de Bela Vista. Esses pedidos deverão ser entregue pessoalmente por uma comitiva de vereadores de Bela Vista que estarão em Brasília-DF, Capital Federal, no inicio de Dezembro do corrente ano.

Outra pauta que, segundo Dr Johnys Basso, que em breve deverá ser inserida na Casa de Leis, para debate é a questão de que uma escola dentro do município, sob pressão, escola esta estadual, para que o banheiro seja de uso único, ou seja, as pessoas que se enquadram dentro da termologia transgênero, isso é, as pessoas que representam não estarem em conformidade com o gênero imposto no nascimento, usassem o banheiro que é de pessoas do sexo feminino e masculino em comum.

“Teremos que colocar em pauta essa questão que já é uma realidade dentro do município de Bela Vista – disse Dr Johnys – eu lutarei com a bainha da espada, para que isso não seja implantado dentro das escolas do município. Tenho filhos, meninas e meninos, ou seja de sexo feminino e masculino, mas não é justo uma pessoa de sexo masculino usar o banheiro do sexo feminino. Não é certo uma pessoa de sexo masculino, que seja transgênero, com seus 14 anos de idade, acessar um banheiro junto a uma menina de sexo feminino de 8 ou 9 anos de idade, isso não é justo, salientou Johnys e prosseguiu, – tenho muitos amigos que são transgênero que eu frequento sua casa, bem como eles frequentam minha casa, não tenho preconceito com relação a isso, até mesmo nesta Casa de Leis realizamos o debate sobre o tema de Gênero. Não gostaria que minha filha, que tem 08 anos, frequentasse o mesmo banheiro de um transgênero masculino, com seus 12 ou 14 anos e é nesse ponto que não aceito, bem como não aceito que meus filhos usassem o banheiro de um transgênero feminino e isso não é por questão de preconceito” – frisou Dr Johnys.

Na Live da sessão ordinária da Câmara Municipal de vereadores, muitos internautas apoiaram as palavras de vereador presidente da Câmara, Dr Johnys e concordaram com o posicionamento do vereador.

Dr Johnys ressaltou finalizando que não é questão de preconceito, mas que é muito cedo para criança entender as Leis feitas por adultos e que se os filhos assim desejarem ser, deverá ser quando entender melhor tudo isso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *