1 de junho de 2020

Maior apreensão em MS, caminhão com cerca de 28 t de maconha é flagrado pela PRF

Droga ainda está sendo contabilizada, mas pesagem inicial aponta para cerca de 28 toneladas

Por Adriano Fernandes e Helio de Freitas

Policial rodoviário durante o descarregamento da droga, nesta quarta-feira (20) em Ponta Porã. (Foto: Divulgação/PRF) 
Policial rodoviário durante o descarregamento da droga, nesta quarta-feira (20) em Ponta Porã. (Foto: Divulgação/PRF)

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) de Mato Grosso do Sul fez a maior apreensão de maconha da história do país, nesta quarta-feira (20) em Iguatemi, cidade a 466 quilômetros de Campo Grande. A droga ainda está sendo contabilizado, mas a pesagem inicial aponta para cerca de 28 toneladas.

A maconha foi encontrada em meio a uma carga de milho que estava sendo transportada em um caminhão Volvo, zero quilômetro. O veículo foi parado por uma equipe da PRF por volta das 09h30 na rodovia MS-295.

Caminhão zero quilômetro onde a droga foi encontrada. (Foto: Divulgação/PRF) 
Caminhão zero quilômetro onde a droga foi encontrada. (Foto: Divulgação/PRF)

Logo após ser abordado o motorista, Varderlei Cesar Hermann, de 38 anos, admitiu que pegou o caminhão carregado com a droga em Ponta Porã e que o levaria até São Leopoldo, no Rio Grande do Sul.  Pelo serviço ele receberia R$ 40 mil.

Conforme apurado pela reportagem Varderlei já estava sendo monitorado pela PF (Polícia Federal) desde um hotel onde estava hospedado em Ponta Porã. O caminhão foi levado para a sede da Polícia Federal na cidade fronteiriça onde as 6 toneladas de milho e a droga foram descarregadas.

A suspeita da polícia é de que a droga havia sido recém colhida em alguma safra de maconha plantada na região de fronteira. Os criminosos podem ter decidido arriscar enviar o carregamento todo de uma vez em um caminhão novo, com a expectativa de que o veículo não fosse revistado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *