19 de janeiro de 2021

Crônica de um Amigo: Para Ivaldo Pereira

Jornalista e Escritor Ivaldo Pereira

Era uma manhã de sábado como tantas outras em Bela Vista, acordei já meio tarde, me arrumei e fui dar uma volta na cidade, como de costume. Fui direto ao local onde a galera se reúne para tomar um tereré e comentar os últimos acontecimentos, o Jornal Tribuna da Fronteira.

Ao entrar pela porta já ouvi o barulho das teclas da máquina de escrever do “Seu” Ivaldo, concentradíssimo escrevendo sua coluna “Pedro Pedreira”. Dei um bom dia e já saí da sala, pois ele odeia que o interrompam quando está escrevendo, algumas vezes fala em tom de brincadeira, “hoje eu não quero papo com ninguém.” Depois de terminar a coluna é hora de sentar nos degraus da porta da frente para relaxar e dar risada com os amigos.

O grito ecoa forte “Gilson, pega lá dentro uma pinguinha pra nós”. Aos poucos vão chegando o Dr. Sidnei, o Dr. Jair Bispo, Capitão Matos, entre outros freqüentadores assíduos. Como ele costuma dizer “Aqui nesse degrau já sentou Juiz, Comandante, Governador,…”.

Em meio a fervorosas discussões sobre política, economia, progresso, “Seu” Ivaldo dispara “Bela Vista vai voltar a ser referencia na região, eu acredito.” Paulista típico, está sempre com espírito empreendedor e enxergando lá na frente, otimista e de muita fé. Já perto da hora do almoço quando o pessoal começa a ir embora é hora de sentar no sofá.

Ali o assunto é outro, a bíblia, espiritualidade, alienígenas, temas em que ele é um estudioso e eu um curioso. Entre uma dose e outra, “Seu” Ivaldo destila seu conhecimento e ouço atentamente seus comentários, suas idéias, seus conselhos. “Seu” Ivaldo é aquele tipo de cara que sempre te ensina alguma coisa, te faz refletir e enxergar as coisas com outro ponto de vista, te aconselha, às vezes até o chamamos de bruxo porque parece que ele adivinha os nossos pensamentos.

Após boas gargalhadas e com alguns quilos a mais de conhecimento na bagagem, é hora de voltar pra casa. Certamente outros sábados virão, outras reuniões nos degraus, outras conversas no sofá. Ivaldo Pereira é um amigo que se leva para a vida toda, aliás, como ele diz, “para outras vidas”.

Bela Vista, Novembro de 2017.

Crônica enviado para nossa redação homenageando o jornalista e escritor Ivaldo Pereira, baluarte do jornalismo na região sudoeste. A Crônica foi escrita em novembro de 2017. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *