18 de abril de 2021

Ruiter se reúne com Secretário e consegue liberação de recursos do carnaval de Corumbá e Ladário

Campo Grande (MS) – O coordenador do Governo do Estado da região de Corumbá e Ladário, Ruiter Cunha, esteve reunido nesta sexta-feira (15) com o Secretário de Fazenda, Marcio Monteiro, e garantiu a liberação dos recursos para o carnaval 2016. O encontro aconteceu em Corumbá onde o secretário cumpre agenda.

O governador Reinaldo Azambuja assinou na última terça-feira (12) a liberação de R$ 721,5 mil às diversas ligas de escolas de samba, blocos e cordões carnavalescos de MS, sendo que, deste total, R$ 302,5mil estão destinados para Corumbá e Ladário, cidades que promovem o carnaval tradicional de Mato Grosso do Sul.

Ruiter revelou que recebeu a visita do secretário em seu escritório político na cidade e durante o encontro aproveitou para solicitar a liberação da verba, uma vez que o carnaval da região tem uma conotação diferentes das demais cidades.

“Nossa população estava apreensiva sobre quando seria liberada a verba desse convênio porque o carnaval é o nosso maior evento, que aquece o comércio, atrai turistas e ao mesmo tempo é a principal fonte de renda para muitas famílias. Para nossa felicidade, o secretário nos atendeu prontamente e autorizou a liberação do recurso já para esta sexta-feira”, comemorou Ruiter.

O Secretário Marcio Monteiro disse que é importante esse olhar especial para o Carnaval de Corumbá e Ladário. “O Ruiter, em seu papel de cordenador político da região, tem feito um importante trabalho junto às comunidades. Entedemos a importância do evento e de imediato autorizamos a liberação do recurso, para que as escolas de samba possam fazer as aquisições de materiais e todos possam se preparar para esse grandioso evento”, declarou Monteiro.

Repasse

O repasse deste ano foi 32% maior do que o praticado em 2015, quando o Carnaval recebeu R$ 545 mil do Governo do Estado. Além de Corumbá e Ladário, as cidades de Campo Grande, Aquidauana, Anastácio e Fátima do Sul também receberam investimentos.

Dos R$ 302,5 mil destinados a região, R$ 198 mil foram repassados à Liga Independente das Escolas de Samba de Corumbá (Liesco); R$ 55 mil para Liga Independente dos Blocos Carnavalescos de Corumbá (Liblocc); e R$ 49,5 mil para a Liga Independente das Escolas de Samba, Cordões e Blocos Carnavalescos de Ladário (Liesbla).

Turismo e comércio

A apresentação das escolas de samba e o caraval de rua de Corumbá e Ladário atraem turistas de MS, de outros estados, inclusive de outros países. Pesquisa realizada pela Fundação de Turismo do Pantanal, Fundação de Cultura e Secretaria de Indústria e Comércio, revelou que em 2015 as cidades receberam 8,3 mil turistas, sendo 82,5% de MS; 8,3% de SP; 2,6% do PR; 1,9% de MT; e 4,7% outros países (Bolívia, Argentina, Alemanha, Paraguai).

O comércio local registrou um fluxo monetário de cerca de R$ 10 milhões em Corumbá e outros R$ 11 milhões no território de fronteira. A pesquisa revelou ainda que em 2015, o gasto médio individual por turista na cidade foi de R$ 649,45 na cidade de Corumbá e R$ 774,83 na faixa de fronteira. Já os moradores da cidade registraram gasto médio individual de R$ 354,40 em Corumbá e R$ 368,44 na Bolívia.

Foto: Marycleide Vasques – Mario Marcio/Subsecretaria de Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *