16 de maio de 2021

Fundador do Jornal Tribuna da Fronteira, jornalista Ivaldo Pereira completaria 75 anos neste dia 26 de abril

JONATHAN TORRES – BVNEWS

Hoje, dia 26 de abril, o saudoso  jornalista Ivaldo Pereira, proprietário de um dos jornais mais antigos e conceituados do estado completaria 75 anos de vida.

Em decorrência de sérios problemas de saúde, Ivaldo Pereira faleceu em 27 de março de 2018, no município de Bela Vista.

O empresário e jornalista era conhecido por sua seriedade e profissionalismo, se tornando referência quando o assunto era informação com credibilidade. Desde 1972 atuando no município, o jornal Tribuna da Fronteira continua de portas abertas, atendendo com trabalhos gráficos e as impressões de seus Jornais.

Ivaldo Pereira

Foto: MS Notícias

Casado com Estela Velásquez, pai de três filhos, Ivaldo Pereira tinha uma imaginação fértil, impressionante faro jornalístico, visão aguçada e surpreendente vitalidade para o trabalho, além de ser um grande colecionador de “causos” e episódios sociais e políticos. Natural de Bauru (SP), desembarcou em Mato Grosso, em meados dos anos 1970. (Com informações de MS NOTÍCIAS).

Homenagem

Em 05 de abril de 2018, o saudoso deputado estadual Onevan de Matos (PSDB), na época vice-presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, apresentou “Moção de Pesar” aos familiares do escritor e jornalista belavistense Ivaldo Pereira.

Em forma de Homenagem Póstuma, Onevan de Matos destacou a história de vida do jornalista e escritor, que fundou, em 1972, o jornal “Tribuna da Fronteira” no município de Bela Vista, trazendo informações de todo o Sudoeste e do Estado de Mato Grosso do Sul.

A moção, que foi aprovada por unanimidade pelo plenário da Assembleia Legislativa.

Biblioteca Jornalista Ivaldo Pereira

Ainda em 2018, Ivaldo Pereira também recebeu uma grande homem que ficará marcada na história do município. Aprovado através do Projeto de Lei nº 1.602/2018, apresentado pelo vereador Marquinhos Lino (MDB), a biblioteca municipal da Rua Conde de Porto Alegre, passou a se chamar “Biblioteca  Jornalista Ivaldo Pereira”. O projeto foi aprovado por unanimidade pela Câmara de Vereadores.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *