20 de outubro de 2020

Sobe para 20 o número de cidades em situação de emergência devido a chuva

Mariana Rodrigues

Com as fortes chuvas que não deram trégua e voltaram a atingir algumas cidades do interior de Mato Grosso do Sul no fim de semana, subiu para 20 o número de cidades que decretaram situação de emergência no Estado. Desde o mês passado, em decorrência das chuvas, o Governo do Estado já havia expedido decreto onde constava 14 cidades em situação de emergência.

Bela Vista, Jardim, Mundo Novo e Deodápolis decretaram situação de emergência depois do decreto do Governo do estado no diário oficial, que consta os outros 14 municípios, por esse motivo elas não fizeram parte da publicação, mas a administração do Estado estuda adicioná-las no documento.

Porém, outras duas cidades decretaram situação de emergência e aguardam confirmação do governo do estado, são elas: Campo Grande e Fátima do Sul.

Com a cheia do Rio Dourados que subiu cerca de 5 centímetros acima do normal, e é considerada a maior dos últimos tempos, em Fátima do Sul, distante 246 km de Campo Grande, 40 famílias tiveram suas casas alagadas e outras 20 ficaram desalojadas e tiveram que ser levadas, temporariamente, para o centro de convivência do idoso.

Em outros municípios da região sul do Estado, a chuva forte atingiu Eldorado, Amambai, Ponta Porã que registrou chuva de 54mm e fez o córrego próximo ao aeroporto transbordar.

A força também arrebentou trecho da BR-163, na altura do quilômetro 49, em Eldorado, a 440 quilômetros de Campo Grande. Como a BR-487 também já foi interditada por causa da ponte, parte de Mato Grosso do Sul está sem acesso ao estado do Paraná.

Segundo a Defesa Civil estadual mais de 80 pontes foram destruídas, sendo 1,5 mil metros lineares e 140 vias públicas estaduais e municipais danificadas. Ao todo são mais de três mil quilômetros prejudicados até o momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *